Sistemas de Desodorização – BIOFILTRAÇÃO

A biofiltração é uma tecnologia inovadora e “amiga do ambiente” na área da desodorização porque pressupõe um processo de depuração biológico.

O sistema é composto por um pré-tratamento, assegurado por uma torre de humidificação ligada a módulos, a céu aberto, construídos em betão ou PEAD (consoante a dimensão), onde é colocado o meio de enchimento.

É constituído por um sistema de distribuição de ar e pelo meio de enchimento, urze, onde se fixam os microrganismos, principalmente bactérias, actinomicetas e fungos.

Após humidificação do ar viciado no sistema de lavagem, o ar é conduzido até ao canal de distribuição do biofiltro, seguindo para a câmara de pressão sob a grelha de suporte do material filtrante.

O ar é então distribuído através de toda a área do biofiltro, sendo conduzido em fluxo ascendente através da camada filtrante biologicamente ativa.

O ar tratado é então libertado para a atmosfera.

O sistema preconizado garante a humidificação permanente do meio filtrante, por forma a garantir as condições ótimas para o crescimento e distribuição da flora, uma vez que a eficiência do sistema de biofiltração depende fortemente do conteúdo de água no material de enchimento e da humidade relativa.

Tem aplicação em instalações com nível médio de emissões de amoníaco e compostos orgânicos voláteis (COV), assim como nas que geram odores resultantes de processos de degradação de produtos orgânicos.

A título de exemplo, refere-se a aplicação em ETAR's, ETRSU's, matadouros, pecuária e na indústria alimentar. Os biofiltros permitem caudais desde 500 m³/h até 100.000 m³/h.

❮ Voltar